Descubra como escolher o melhor aquário para o seu peixe!

Descubra como escolher o melhor aquário para o seu peixe!

Você sabia que para cada tipo de peixe existe o aquário certo?

O modelo mais adequado é de acordo com as necessidades dos peixes que você deseja ter em casa.

Afinal essa vai ser a “casinha” dele por toda a vida.

Se o aquário escolhido for muito pequeno para a quantidade de peixes, fatalmente irão morrer.

Vamos dar algumas dicas que ajudam você na escolha do aquário ideal de acordo com o peixe escolhido.

Tamanho do aquário

O tamanho de um aquário deve estar diretamente ligado ao tipo e quantidade de peixes que você gostaria de criar.

Isso influência na capacidade de suporte (oxigênio dissolvido na água/quantidade de peixes) e equipamentos como filtro, iluminação, controle de temperatura e tipos de substratos que serão utilizados.

Capacidade ideal

Varia de acordo com a necessidade de cada aquarista, de quais espécies pretende colocar dentro do aquário e consequentemente dos equipamentos que serão utilizados.

Então a primeira coisa a se levar em consideração é a escolha do peixinho. Qual você pretende ter em casa?

O tipo de peixe que se quer criar para saber se o aquário precisa de bomba ou quais peixinhos podem se misturar com os outros.

Tipos de peixes e o que se deve ter em seu aquário:

KINGUIOS (peixe-dourado) E CARPAS

Há uma regra para povoar o aquário, que deve ser de 60 a 80l por exemplar adulto.

A filtragem é o ítem mais importante a ser considerado, é preciso que a vazão de filtragem compreenda 10 vezes o volume do aquário.

Isso se faz necessário para manter a boa qualidade da água, retirando com eficiência fezes, restos de alimentos e outros detritos.

A moradia desses amiguinhos nadadores possui maior facilidade de manutenção, pois as espécies são mais resistentes e sobrevivem em temperaturas baixas.

A decoração deverá ser artificial, pois são peixes que se locomovem o tempo todo e adoram se alimentar de plantas e revirar o substrato.

CICLÍDEOS AFRICANOS

Os aquários de ciclídeos africanos devem ser ajustados entre 8.1 e 8.5, o que contribui para manter o pH alcalino sempre estável.

O ph desta espécie é alcalino, assim deve-se proporcionar rochas que servem para equilibrar o ph e ao mesmo tempo criando abrigos para o caso de brigas, o que é comum entre eles.

Aconselha-se o uso de substratos como aragonita ou concha moída, o que manterá o ph alcalino.

JUMBOS

Com um aquário de 200 litros já podemos possuir algumas espécies de jumbos, mas o ideal é criar estas espécies em tanques acima de 400 litros, pois a grande maioria ultrapassa o limite de 40 cm de tamanho.

A alimentação desses peixes deve ser bem diversificada, assim, além de rações deverá ser oferecido filé de peixes e outras alimentações que complementará o balanço vitamínico necessário.

Existem inúmeros aquários com outras tantas espécies, essas foram algumas faunas para que você possa ter um seguimento de escolha.

É de suma importância montar um tanque que se adapte de acordo com a realidade do seu novo amiguinho.

Para que ele tenha uma vida saudável.

Antes de ir na loja e comprar o recipiente e os peixes, é preciso ter em mente que você deverá ter muita dedicação.

Não fique imaginando que um aquário é algo que basta montar e acabou, todo amor de estimação precisa de atenção, higienização, alimentação correta e muito amor.

E aí! Qual é a escolha ideal pra você? Deixe aqui nos comentários.

Aqui no Estação Pet você encontra as melhores marcas, acessórios, alimentos, farmácia completa e profissionais capacitados para lhe orientar.

Faça-nos uma visita ou ligue pra gente (44) 3025-5500!

Recomendados pra Você

Deixe um comentário