10 dicas para evitar o medo de fogos de artifício dos animais.

10 dicas para evitar o medo de fogos de artifício dos animais.

Ao longo do ano, em todas as festividades há uma queima de fogos, entretanto com a chegada dessa época do ano, sabemos que nossos amores de estimação sofrem ainda mais com o barulho excessivo dos fogos de artifícios na noite de ano novo.

Hoje daremos 10 dicas para evitar e diminuir o medo de fogos de artifício dos animais. 

Primeiro é importante entender porquê os animais sentem tanto medo de fogos.

A audição dos cães e gatos são muito aguçada e sensível. Podendo escutar sons com o dobro de frequência que nós, humanos, ouvimos.

E se alguns barulhos já nos incomodam, imagina quando duplicado essa altura. Assim, o som dos fogos, alarmes e trovões são os pesadelos dos nossos animais.

Mas o que podemos fazer para evitar o sofrimento dos nossos pets durante a queima de fogos?

1- Pratique antes do ano-novo.

Faça-o se acostumar com o som dos fogos de artifício. Coloque o som de fogos para o seu cachorro ouvir e faça com que esse momento seja de brincadeira e diversão, para que ele associe o barulho a algo positivo.

2- Não o incentive, mas também não o repreenda.

Não demonstre carinho excessivo ao seu animal, pois assim ele sente como incentivo ao medo, associando medo com carinho.

Algumas ações são causadas apenas pelo medo e instinto e estão fora do controle do animal, assim é importante não puni-lo nem repreende-los.

3- Lugar seguro.

Permita que eles se escondam. Ao achar um lugar seguro o medo do animal diminui.

4- Feche janelas e portas.

O medo é um dos principais causadores de fugas durante a queima de fogos. Coloque também uma placa de identificação no animal, com nome, telefone e endereço, para que se ele consiga escapar seja possível recuperá-lo. Além disso as janelas fechadas ajudam a abafar o som.

5- Demonstre calma.

Você é um exemplo para o seu amor de quatro patas. Demonstre tranquilidade, calma e não reaja aos fogos.

6- Não deixe a coleira apertada.

O uso da guia é muito importante principalmente em casos de fuga, pois com a placa de identificação é mais fácil de acha-lo, entretanto durante a queima de fogos muitos animais ao ficarem agitados acabam se machucando. Assim, não deixe a coleira apertada e se for preciso, mantenha seu pet isolado em um quarto fechado e confortável.

7- Técnica Tellington Ttouch.

A técnica desenvolvida por Linda Tellington-Jones consiste em colocar pressão sobre várias partes do corpo do animal para conseguir tranquilizá-lo.

O ato de “amarrar” reverbera no sistema nervoso dele, que recebe a informação sensitiva, a envia ao cérebro, deixando-o mais calmo.

Conforme o corpo sente a pressão das faixas, o pet se sente mais seguro e consegue enfrentar o momento de medo e pavor.

Assista ao vídeo e aprenda a técnica: 

 

 

 

8- Distraia seu bichinho.

Procure brincar com seu pet durante a queima de fogos e tente distraí-lo com brincadeiras que ele gosta.

9- Evite deixar seu cão sozinho.

Procure ficar perto do seu animal no dia da queima de fogos, caso não seja possível estar junto faça um espaço em um ambiente que ele goste e o mantenha confortável, seguro e acompanhado dos seus brinquedos favoritos.

10- Acalme-o.

A homeopatia e florais são uma das principais maneiras de diminuir o medo e a ansiedade do animal de forma natural e orgânica.

Aproveite os dias até a virada do ano para ajudar seu pet a se acostumar com o barulho dos fogos da melhor forma possível. Assim você e seu amor de estimação vão passar a virada do ano muito mais tranquilos e felizes.

Aqui no Estação Pet você encontra as melhores marcas, assessórios, alimentos, farmácia completa e profissionais capacitados para lhe orientar.

Faça-nos uma visita ou ligue pra gente (44) 3025-5500!

Recomendados pra Você

Deixe um comentário